D. Leonor de Lancastre – grande senhora do renascimento

11,25

29 em stock

Descrição

“Para além de ter instituído e organizado a Misericórdia de Lisboa, a Rainha D. Leonor fundou, dotou e organizou o Hospital das Caldas da Rainha, o convento da Madre de Deus em Xabregas, o Convento da Anunciada de Lisboa, a Igreja de Nossa Senhora da Merceana, as Capelas Imperfeitas do Mosteiro da Batalha e sete merceeiras no Convento de S. Agostinho.
Do seu mecenatismo real beneficiou a cultura litúrgica religiosa, com edições tão esplêndidas como a da tradução da “Vita Christi”, de L. Cartusiano. O teatro nascente de Gil Vicente foi por ela tão entusiasmante amparado como o génio artístico do ourives que lavou a incomparável custódia de Belém e tantos outros seus contemporâneos, pintores, escultores, arquitectos e músicos.
A esta culta Rainha deve a tipografia e a literatura nacionais o mais alto e salutar dos impulsos, que preparou o ambiente intelectual do período das Descobertas.
No ano em que a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa celebra o V centenário da sua fundação, por D. Leonor, tem para nós um especial significado associarmo-nos à edição desta obra em sua homenagem.”

Maria do Carmo Romão
Provedora da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
(Excerto do Prefácio)

Autor: Maria de Lourdes Amorim

Ano de publicação: 1998
Editor: Ésquilo
ISBN: 9729776032

Informação adicional

Peso 300 g
Dimensões (C x L x A) 28.5 × 22.5 cm

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “D. Leonor de Lancastre – grande senhora do renascimento”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

pt_PTPortuguese