Unidade de acompanhamento terapêutico: Processo estruturante

0,00

Digital

Descrição

O percurso da Unidade de Acompanhamento Terapêutico (UAT) começa em 1989, com a criação do projeto Solidariedade na Residência Santa Rita de Cássia (conhecida como “Casa Amarela”), com o objetivo de acolher e acompanhar o tratamento de pessoas infetadas com VIH/SIDA. Um projeto que, rapidamente, se alargou para incluir um centro de dia, ambulatório e apoio domiciliário para pessoas nesta situação. Em 1998, surge a necessidade de alargamento do próprio espaço residencial, com a abertura da Residência Madre Teresa de Calcutá, em 2004, criam-se os Apartamentos Terapêuticos, e em 2005, para acompanhamento e vigilância da terapêutica, inaugura-se o Centro de Santa Maria Madalena. Faz-se aqui o retrato da UAT, nascida em 2013 para integrar estes equipamentos que acompanham prioritariamente utentes portadores de doença crónica e trabalham para a sua adesão terapêutica, expondo, de forma acessível, as suas metodologias de intervenção e respetivos processos terapêuticos. Este livro integra a Coleção Sebentas de Ação Social, uma linha editorial dedicada à partilha de conhecimento adquirido e consolidado pela prática, na consciência, porém, de que esse conhecimento está sempre em permanente construção e melhoria.

Autores: Rita Valadas (dir.); João Geraldo (coord.); Rui Santos; João Geraldo e equipa

Ano de publicação: 2016
Editor: SCML
ISBN: 9789898712462

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Unidade de acompanhamento terapêutico: Processo estruturante”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

pt_PTPortuguese